Além do Físico

"Há mais coisas entre o céu e a terra do que supõe vossa vã filosofia"

Pesquisar





Os Registros Akáshicos



Segundo os Ensinamentos Misteriosos, a Esfera Magnética da Terra (também conhecida como éter contido) é um campo energético contendo os padrões de todos os atos, pensamentos e fatos do passado. Esse campo é conhecido na terminologia ocultista como o MANTO ÓDICO. O material que compõe esse material etéreo é conhecido como Akasha, e os padrões nele contidos são chamados de Biblioteca Akáshica. Diz-se que esse plano pode ser acessado através das habilidades psíquicas, viagens astrais ou estados de transe, e é a fonte do que alguns chamam de material canalizado. Os ocultistas buscam ligar-se mentalmente a essa dimensão para obter o conhecimento preservado e contido nos padrões de energia. 

Segundo uma velha crença Wiccana, um Bruxo pode "compreender a voz do vento". Esse dogma surgiu publicamente pela primeira vez em "Aradia, o Evangelho das Bruxas", de Charles Leland. Ele fornece uma lista dos poderes associados aos bruxos italianos que seguem os ensinamentos de Aradia. Compreender a "voz do vento" significa estar em harmonia com as vibrações das correntes akáshicas. Através dessa sintonia, podemos obter o conhecimento "levado pelo vento" e relembrar coisas dadas como perdidas no passado. Aradia dizia que uma pessoa deve participar da Roda do Ano, observando cada Treguenda (Sabbat) para unir-se às forças da Natureza.

Os registros Akáshicos são mais facilmente acessados ao nascer do sol. O portal elemental de Akasha (ver exercício) é geralmente empregado como portal mental para essa dimensão. As técnicas empregadas pelo Ocultismo Ocidental para ganhar acesso aos planos foram introduzidas publicamente pela Golden Dawn. Se desejar, o leitor pode utilizar-se das técnicas do portal elemental contidas no Apêndice. Quando estiver tentando canalizar a partir dos registros Akáshicos, deve utilizar o portal de Akasha e mentalmente buscar um cenário de uma biblioteca num templo.

Portais Elementais

A proposta desta técnica é criar portais ou passagens através das quais o praticante possa mentalmente explorar outros planos. A técnica aqui utilizada baseia-se nas práticas da Golden Dawn. Coloque o símbolo adequado num quadro ou pinte-o com aquarela num espelho grande (ver ilustrações). Ao lado, coloque uma grande cartolina branca (ou algo semelhante).  

Prithivi (Terra), Vayu (Ar), Tejas (Fogo), Akasha (Espírito)
As cores devem ser as mais reais possíveis, de modo ideal sendo fortes e brilhantes. Um vermelho fogoso é adequado ao triângulo, azul celeste para o círculo, amarelo-claro para o quadrado, prata para a cres­cente e um preto profundo para o oval.
Sente-se confortavelmente em frente ao símbolo selecionado com um olhar fixo deliberado até que perceba uma tênue névoa ou halo ao redor do símbolo. Nesse ponto, desvie seu olhar para a cartolina branca. Em alguns segundos, urna ilusão da cor complementar surgirá contra o fundo branco. Feche os olhos e mentalmente visualize o símbolo como uma passagem pela qual possa caminhar. É importante fazer mental­mente o símbolo grande para que você possa passar por ele, ou então visualizar-se como pequeno o suficiente para passar pelo desenho do símbolo.
Passe mentalmente através do portal. Se tiver qualquer dificuldade, tente sentir fisicamente o elemento representado e em seguida tente atravessar o portal. Uma vez passado, atente para a cena. Mentalmente afirme que o portal ficou para trás e não perca o sentido de onde ele está em relação a você. Você estará relativamente seguro durante esse tipo de exercício, e explora mentalmente a dimensão onde sua consciência ingressou. O principal ponto deste exercício é treinar sua mente em experiências de outros mundos. Também o põe em contato direto com os quatro elementos e seus relativos elementais. Com o tempo, a for­mação dessa relação irá auxiliá-lo no desenvolvimento de seus poderes mágicos.
Quando chegar o momento de retornar, atravesse mentalmente o portal. Após isso, concentre-se na sensação de seu corpo sentado na cadeira (ou onde quer que o tenha deixado). Estique-se, toque as super­fícies com suas mãos. Em outras palavras, permita que seus sentidos físi­cos confirmem que você está realmente de volta à dimensão material. Abra seus olhos e guarde os símbolos. Experimente os outros portais em uma outra noite, e somente trabalhe durante a fase crescente da lua (até que se sinta proficiente no exercício).
 FONTE: Os Mistérios Wiccanos, Raven Grimassi.
* Pessoal, desculpe pela irregularidade nas postagens. Estou numa correria esse mês por causa de vestibulares.  

2 comentários:

não tou conseguindo baixar no 4shared no link download de livros, arruma ai por favor , bota no mediafire

consegui baixar, era minha conta no 4shared que tava bloqueada, fiz outra.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Advertência

O uso das técnicas, rituais e conhecimentos adquiridos no Além do Físico é de responsabilidade única e exclusivamente sua, caro leitor. Não me responsabilizo, em nenhum nível, pela má utilização de tais ferramentas mágicas e espirituais.

Quem sou eu

Minha foto
Faço Psicologia na USP, tenho 22 anos, sou bruxo, magista e médium, sempre em busca das verdades espirituais. Encontro prazer imenso na leitura, que nos possibilita viajar através de dimensões, espaço e tempo num folhear de páginas.

Postagens populares

Seguidores

Visitas

Qual a sua relação com o Mundo Não-Físico?

Google Analytics Alternative