Além do Físico

"Há mais coisas entre o céu e a terra do que supõe vossa vã filosofia"

Pesquisar





Olá pessoal! Desculpe pelo sumiço e a falta de atualização, além de problemas com meu servidor de internet, ando sem tempo para sentar e escrever um texto aqui. Peço que me mandem sugestões de posts, pois tendo um tema, é mais fácil escrever.

Majestoso e imponente como um templo da Antiguidade...
Vou postar uma técnica de criação de um Templo Astral, também conhecido por Sanctum Sanctorum, Local de Poder, entre outras denominações. É um lugar no Plano Astral, moldado a partir da Vontade do bruxo ou magista como base de operações astrais. Qualquer ritual, divinação ou meditação pode ser feito no Templo Astral na inviabilidade de sua execução no Plano Físico. Além disso, é um local onde você pode encontrar com todos os seus Guias, Protetores e seres do Astral e é o ponto de partida para qualquer viagem astral.
As técnicas pré-requisitadas para a criação do Templo são a "Respiração Ódica" e a "Informação", ambas já foram publicadas aqui no blog, no post: Sigilos Mágicos. O diferencial desta, entre tantas outras técnicas de criação de templo astral, é o uso de um condensador mágico para o estabelecimento da conexão com o templo, que no caso, é o vinho e uma pintura como ponto de partida para a visualização. Ambos podem ser dispensados e o praticante pode focar-se apenas no processo de transe e visualização, mas são ferramentas interessantes e úteis.

...ou simples como uma cabana. O Templo Astral reflete a personalidade do criador.



Livro: Os Mistérios Wiccanos
Autor: Raven Grimassi

A exploração do plano astral é parte integral das práticas Wiccanas. Para tanto, os Wiccanos desenvolveram diversas técnicas visando à criação de um Templo Astral a partir do qual explorar e atuar nas dimensões astrais. Apresento aqui uma dessas técnicas. Uma vez criado, o templo pode ser utilizado não só para os fins já mencionados, como também para canalizar energia do e para o plano astral. Também pode ser empregado como local de encontro com a deidade num espaço sagrado pessoal. 


Para começar, obtenha uma pintura ou desenho que apresente a imagem astral que você deseja para o seu templo. Alguns Wiccanos utilizam uma imagem de um templo de pedra real, outros usam a imagem de uma sala mágica, por exemplo um castelo, e outros ainda preferem uma cena de bosque. De preferência, todos esses cenários devem possuir uma entrada, seja uma trilha que leve para dentro do bosque, degraus que conduzem ao templo, ou uma porta que se abra para uma câmara.

Uma vez encontrada ou criada a cena, deve-se carregar essa figura. Emoldure a imagem em vidro (uma bela moldura de carvalho é uma boa opção, ou então escolha algo que lhe seja simbólico). Posicione essa figura diante de você e sente-se ou permaneça de pé confortavelmente enquanto olha para ela. No chão, diante de você, deixe uma garrafa com algum tipo de bebida (vinho ou hidromel são excelentes opções). Posicione suas mãos em cuia ao redor da garrafa, enquanto faz o que se segue. Usando a técnica da "informação" (incorporando a Respiração Ódica), passe mentalmente imagens de você caminhando pela cena da figura (ignore a garrafa por enquanto, mas continue a segurá-la).

Permita que sua imaginação aja livremente, redirecionando-a apenas se as imagens se tornarem negativas ou sem sentido. O que deseja a essa altura é criar portais nos quadrantes da cena. Podem ser portas, janelas, arcos, aberturas entre as árvores, o que for. Coloque pentagramas de proteção dos dois lados dos portais. A seguir, crie mentalmente um altar no centro do templo. Imagine-se construindo esse altar ou formando-o a magicamente por meio de gestos rituais (esse é o seu próprio universo, e você é seu criador e seu mestre). Passe uma carga de Respiração Ódica em tudo o que cria. Você pode a seguir decorar o templo com quaisquer itens ou detalhes que desejar. Procure mantê-lo simples, pois você terá de acessar mentalmente as imagens que criar no cenário nas primeiras vezes que adentrar o templo. Obviamente, quanto mais apropriadas forem as imagens presentes na gravura física, menos você irá acrescentar a ela.

Ao terminar de acrescentar itens pessoais, é hora de olhar à sua volta e contemplar o que você criou. Caminhe mentalmente ao redor e preste atenção a tudo. Para sair do templo, basta fazer com que sua visão da cena se embace suavemente, fechando a seguir seus olhos e estalando os dedos ou batendo palmas três vezes. A garrafa em suas mãos durante o exercício está agora carregada com a essência de tudo o que você experimentou. Nas próximas vezes que entrar no templo, tome uma dose da garrafa antes [aos que têm problemas com álcool, sugiro suco de uva] para fortalecer seu trabalho mental/astral [quando o vinho acabar, não precisa repor, e nem se preocupar que a falta de vinho afete o templo].

Desse ponto em diante, o templo astral estará lá ao seu dispor, até que você mentalmente o dissolva ou destrua a figura. Ingresse nele para praticar rituais solitários ou para lançar encantamentos mentais. Utilize-o para chamar espíritos-guia ou a Deusa e o Deus. Há muitos usos, e você tem liberdade para explorá-los.


Sempre use algum amuleto de proteção e peça as bênçãos e a proteção da Deusa e do Deus ao ingressar no templo. Valha-se do bom senso e da cortesia básica quando encontrar-se com quaisquer entidades, se desejar atravessar os portais e explorar as dimensões astrais. Mais importante ainda, mantenha um senso de direção e lembre-se do caminho para retornar ao portal.


0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Advertência

O uso das técnicas, rituais e conhecimentos adquiridos no Além do Físico é de responsabilidade única e exclusivamente sua, caro leitor. Não me responsabilizo, em nenhum nível, pela má utilização de tais ferramentas mágicas e espirituais.

Quem sou eu

Minha foto
Faço Psicologia na USP, tenho 22 anos, sou bruxo, magista e médium, sempre em busca das verdades espirituais. Encontro prazer imenso na leitura, que nos possibilita viajar através de dimensões, espaço e tempo num folhear de páginas.

Postagens populares

Seguidores

Visitas

Qual a sua relação com o Mundo Não-Físico?

Google Analytics Alternative