Além do Físico

"Há mais coisas entre o céu e a terra do que supõe vossa vã filosofia"

Pesquisar





 Percebendo a necessidade de oferecer um treinamento mágico para os leitores do Além do Físico, novatos na Arte, finalmente organizei o menu superior do blog, dispondo as informações mais importantes, inclusive links diretos para dois dos sistemas de treinamento que conheço. Todas as técnicas e feitiços que eu posto, tem como pré-requisitos as técnicas aprendidas no treinamento. O mais importante antes de qualquer técnica ou operação mágica é o famoso "concentre-se e centre-se". Você aprenderá isso no "Treinamento Mágico Completo". No "Treinamento Mágico Alternativo", você desenvolverá os seus sentidos astrais, principalmente.
Clique neles para maiores informações. Abaixo, disponibilizo o que Starhawk fala sobre o treinamento mágico de um bruxo no seu livro, A Dança Cósmica das Feiticeiras.


----------

"O treinamento mágico varia muito de um coven [sistema ou tradição] para outro, mas seu objetivo é sempre o mesmo: revelar a consciência da luz das estrelas, a outra maneira de saber que pertence ao hemisfério direito e permite que entremos em contato com o Divino que existe dentro de nós. O iniciante deve desenvolver quatro habilidades básicas: relaxamento, concentração,visualização e projeção.
O relaxamento é importante pois qualquer forma de tensão obstrui a energia. A tensão muscular é sentida sob a forma de estresse mental e emocional, e estresses emocionais causam tensão física e muscular e doenças. O poder que tenta movimentar-se por um corpo tenso é como uma corrente elétrica tentando abrir caminho através de uma séria de resistências. Grande parte da essência é perdida ao longo do trajeto. O relaxamento físico parece alterar também o padrão das ondas cerebrais e ativa centros que, normalmente, não são utilizados.

Visualização é a capacidade de ver, ouvir, sentir, tocar e sentir o sabor com os sentidos internos. Nossos olhos físicos não vêem; eles meramente transmitem impulsos através da estimulação da luz para o cérebro. É o cérebro que vê, e ele é capaz de ver imagens internas tão nitidamente quanto as do mundo externo. Nos sonhos, todos os cinco sentidos são intensos. Através da prática, a maioria das pessoas pode desenvolver a capacidade de usar ativamente os sentidos internos quando acordados.
Algumas pessoas naturalmente vêem imagens; outras podem ouvir ou sentir impressões. Algumas poucas pessoas têm dificuldades ou acham impossível visualizar, mas a maioria descobre que se torna fácil através da
prática.
A visualização é importante porque é através das imagens e sensações internas que nos comunicamos com o self mais jovem e o self profundo. Quando os sentidos internos estão totalmente despertados, podemos ter visões de extraordinária beleza, sentir o perfume das flores da ilha das Maçãs, provar ambrósia e ouvir as canções dos deuses.

A concentração é a capacidade de enfocar uma imagem, pensamento ou tarefa, de limitar nosso campo de percepção e expulsar distrações. Como um músculo, ela se fortalece com o exercício. Atualmente, muitas pessoas praticam formas de meditação oriental – ioga, zen, meditação transcendental – que são excelentes para o desenvolvimento da concentração. Quanto mais forem exercitadas as visualizações, mais fácil se torna a concentração nas imagens.
A projeção é a capacidade de emitir energia. Ela surge muito naturalmente para a maioria das pessoas, uma vez que estejam cônscias de sua “sensação”. A projeção também é utilizada em um outro sentido, significando a capacidade de viajar para “fora do corpo” através do transe.

Como procedimento básico e diário, recomendo três coisas. Primeiro, exercício físico regular. A importância desse item não pode ser menosprezada. Infelizmente, é das coisas mais difíceis conseguir que as pessoas o façam. A Arte tem a tendência a atrair tipos mentais e espirituais, ao invés de atletas vigorosos. Mas, o trabalho psíquico e mágico exige uma vitalidade tremenda – literalmente, a energia do raith,do self mais jovem. Essa vitalidade é reabastecida e renovada através da atividade física, um pouco como o movimento das rodas de um automóvel que ativa o dínamo, que recarrega as baterias. Trabalho mental e espiritual excessivos, que não for equilibrado com exercícios físicos, esgota nossas baterias etéreas. Às vezes, ioga é adequada, mas geralmente é ensinada como uma disciplina espiritual que abre os centros psíquicos, em vez de aumentar a vitalidade física. Para os nossos objetivos, correr, nadar, andar de bicicleta, jogar tênis ou andar de patins é melhor, algo ativo e agradável e que nos põe em contato com a natureza. Bruxos fisicamente incapacitados podem encontrar um regime apropriado para as suas necessidades e capacidades. Se se pode passar algum tempo, todos os dias, ao ar livre, num gramado ou sob uma arvore, onde se possa embeber-se das energias elementares, colher-se-á muitos dos mesmos benefícios que os corredores de maratonas.
A segunda coisa que recomendo aos estudantes são os exercícios de relaxamento diários e o exercício diário de meditação, visualização ou concentração. Estes, mudam, freqüentemente, à medida que o estudante evolui. Algumas pessoas praticam vários ao mesmo tempo, mas um já é o suficiente. Ficamos sobrecarregados quando há excesso. 
A terceira prática que sugiro é a manutenção de um diário mágico, chamado Livro das Sombras. Tradicionalmente, era um “livro de receitas” de rituais, feitiços, cânticos e encantamentos que cada bruxa copiava a mão sob a orientação de seu professor. O Livro das Sombras é mais do que um diário pessoal. Ele pode incluir descrições de rituais, registros de sonhos, reações a exercícios, poemas, histórias e viagens em transe. Bruxos solitários podem fazer uso de seu livro das sombras para desenvolverem um pouco de objetividade que, normalmente, advém do trabalho em um coven."

FONTE: A Dança Cósmica das Feiticeiras - Starhawk

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Advertência

O uso das técnicas, rituais e conhecimentos adquiridos no Além do Físico é de responsabilidade única e exclusivamente sua, caro leitor. Não me responsabilizo, em nenhum nível, pela má utilização de tais ferramentas mágicas e espirituais.

Quem sou eu

Minha foto
Faço Psicologia na USP, tenho 22 anos, sou bruxo, magista e médium, sempre em busca das verdades espirituais. Encontro prazer imenso na leitura, que nos possibilita viajar através de dimensões, espaço e tempo num folhear de páginas.

Postagens populares

Seguidores

Visitas

Qual a sua relação com o Mundo Não-Físico?

Google Analytics Alternative