Além do Físico

"Há mais coisas entre o céu e a terra do que supõe vossa vã filosofia"

Pesquisar





Existem duas correntes (ou canais) de energia na entidade humana. Essas correntes estão associadas ao sistema nervoso central e à medula espinhal. Podemos nos referir a essas correntes como Lunar e Solar, ou Feminina e Masculina (receptiva/negativa e ativa/positiva). Essas polari­dades indicam energias bioeletromagnéticas e não se referem aos sexos. As correntes Lunar e Solar se manifestam no corpo como os ramos esquerdo e direito das estruturas nervosas dos gânglios. O lado esquer­do é feminino/lunar e o direito é masculino/solar. Infelizmente, por séculos a sexualidade tem evocado sentimentos de culpa e vergonha, graças em grande parte à moralidade judaico-cristã. Essa mentalidade serviu para negar (na maioria das pessoas) a função natural das correntes lunar e solar. Uma das metas da magia sexual é libertar a expressão da sexualidade dos sentimentos inibitórios e negativos. Uma vez atingida essa meta, pode-se restaurar a harmonia dessas correntes.

A Corrente do Deus e Corrente da Deusa se originam no Centro Básico ou Centro de Energia (base da coluna), cruzando-se no Centro do Coração e no Centro Psíquico ou Frontal. 


A Corrente do Deus é positiva e ativa no plano físico e mental e negativa e receptiva no plano psíquico e espiritual, é solar e representa a corrente nervosa do lado direito da coluna vertebral. Já a Corrente da Deusa é negativa e receptiva no plano físico e mental e positiva e ativa no plano psíquico e espiritual, sendo regida pela Lua e representa a corrente nervosa do lado esquerdo da coluna vertebral. Podemos compreender assim o motivo das mulheres serem muito mais psíquicas e espirituais que os homens, havendo muito mais mulheres que homens na maioria dos covens.


O perfeito equilíbrio entre as duas correntes influi na secreção das glândulas endocrinas, que estão associadas aos oito principais Centros de Poder. Na realidade, o bom funcionamento desses centros proporciona um bom funcionamento dessas glândulas, o que nos mostra que a grande maioria das doenças que nos assalta é proveniente de distúrbios energéticos, podendo ser tratadas facilmente pela medicina alternativa e resolvidas sem efeitos colaterais.

Na pessoa comum, atualmente, apenas uma das correntes de ener­gia está aberta e fluindo. A contra-corrente está normalmente inibida e suprimida, gerando desarmonia (des-conforto) no corpo físico. Isso tam­bém causa uma influência negativa no equilíbrio endócrino. Na mulher não treinada, apenas a corrente lunar flui desimpedida, e no homem não treinado apenas a corrente solar está realmente livre. No caso dos homossexuais, essa situação está invertida. O fluxo harmonioso das cor­rentes no corpo é simbolizado pelo antigo símbolo do Caduceu. Esse estado natural elimina a desarmonia (des-conforto) no corpo, e é por isso que o Caduceu simboliza a saúde em nossa sociedade atual.



Nos Ensinamentos Misteriosos, o estado sexual natural é o da bissexualidade, em que ambas as correntes fluem juntas e em harmonia. A alma que habita o corpo físico não é masculina nem feminina, portanto nosso sexo é meramente uma circunstância da dimensão física. A atitude que demonstramos acerca da polaridade dos sexos na qual nossas almas residem é moldada em grande parte pelo nosso meio social. Devemos ter em mente, no entanto, que o sexo pode ser uma manifestação do Karma da alma individual.


O Caduceu Mágico de Hermes e o magnetismo mágico


No Ocultismo Ocidental, a polaridade masculina é positiva-ativa nos planos físico e mental, e negativa-receptiva nos planos psíquico e espiritual. A polaridade feminina é negativa-receptiva nos planos físico e mental, e positiva-ativa nos planos psíquico e espiritual. As genitálias femininas são magnéticas, lunares e receptivas. As genitálias masculinas são elétricas, solares e ativas. Em ambos os sexos, a mão direita é solar, ativa e elétrica. A mão esquerda é lunar, receptiva e magnética. Daí o porquê de, durante rituais, sempre recebermos com a mão esquerda e enviarmos com a mão direita.

Todas as criaturas vivas emitem uma energia que pode ser chamada de campo biomagnético. A interação dos quatro elementos cria uma matriz astral que conecta a alma ao corpo físico. A terra elemental ali­menta a alma e preserva sua vitalidade, o ar fornece equilíbrio e harmo­nia, o fogo contribui com o que é construtivo para a alma e a água anima.


Sem essa energia, a alma não poderia residir na matéria física por muito tempo. Essa energia biomagnética é também o que atrai a alma de volta ao corpo em casos de projeção astral.

A energia metafísica do magnetismo mágico é melhor ilustra­da pelo glifo do Caduceu Mágico de Hermes. Nesse símbolo, a polaridade das forças do magnetismo mágico é representada pelas correntes OB e OD. OB é a corrente lunar; OD, a solar. AOUR representa o que é manifesto no equilíbrio dessas duas correntes, o fogo da polaridade quando OB e OD coexistem harmoniosamente. O segredo do magnetismo na magia repousa no perfeito equilíbrio que se manisfesta como a força criativa de AOUR.

Quando contextualizado com as técnicas da magia sexual, o AOUR simboliza a coluna vertebral, enquanto OB e OD representam as cor­rentes nervosas esquerda e direita ao lado dela, as quais influem na secreção das glândulas endócrinas. Quando ativadas, essas correntes mágicas liberam o poder da serpente que reside na base da espinha. Isso desperta esse centro de poder, o qual reage ao impulsionar uma corrente de energia para cima, ao longo de OB e OD. Isso resulta na manifestação da chama que arde em AOUR (a consciência despertada).


FONTES: Os Mistérios Wiccanos - Raven Grimassi
Wicca Gardneriana - Mario Martinez

3 comentários:

Mais um texto texto interessante para lincar lá no meu blog!

Uma coisa que faltou aqui foi sua experiência com estas forças. Conheço as palavras do Grimassi, mas como o blog é seu e não dele, gosto de saber o que você pensa, e não ele.

Abraços fraternos.

Sergio Thot.
http://blogsementesagrada.blogspot.com/2010/08/consagrando-objetos-magicos.html

Olá, S. Thot, obrigado por sempre estar visitando o blog.
Então, eu sempre trabalhei com a Corrente do Meio, a Sushumna, que é neutra. Não encontrei técnicas que especifiquem como deve-se proceder para ativar os outros dois canais. Acredito que seja através dos rituais de Atração da Lua (para ativar a Corrente da Deusa) e a Atração do Sol (para ativar a Corrente do Deus).
Estou habituado com ambos, mas até então, não canalizava a energia especificamente para um dos canais.
Vou tentar no próximo ritual ou meditação e vejo o que acontece.

Gгeеtings! Vеry hеlpful aԁvice within this aгticle!
It iѕ thе little changes that will mаkе the biggest сhanges.

Τhanks for shаring!

Му weblog - Online Payday Oan
Also see my site: Payday Loans Online

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Advertência

O uso das técnicas, rituais e conhecimentos adquiridos no Além do Físico é de responsabilidade única e exclusivamente sua, caro leitor. Não me responsabilizo, em nenhum nível, pela má utilização de tais ferramentas mágicas e espirituais.

Quem sou eu

Minha foto
Faço Psicologia na USP, tenho 22 anos, sou bruxo, magista e médium, sempre em busca das verdades espirituais. Encontro prazer imenso na leitura, que nos possibilita viajar através de dimensões, espaço e tempo num folhear de páginas.

Postagens populares

Seguidores

Visitas

Qual a sua relação com o Mundo Não-Físico?

Google Analytics Alternative